DHA, gestação e a relação com a prematuridade

O nascimento prematuro precoce, caracterizado pelo nascimento antes de 34 semanas de gestação, é de grande preocupação, pois pode resultar em maior risco de mortalidade e incapacidade infantil (CARLSON et al., 2021). Como o ácido docosa-hexaenoico (DHA) possui propriedades anti-inflamatórias e é um ácido graxo metabolicamente ativo, ele tem sido amplamente estudado no contexto do …

DHA, gestação e a relação com a prematuridade Leia mais »