Magnésio: ação do mineral na performance esportiva

O magnésio é o quarto elemento mais abundante no corpo humano e o segundo cátion mais abundante nas células, depois do potássio. Além disso, sua concentração nos eritrócitos é três vezes maior do que no plasma. É fisiologicamente regulado por meio de três mecanismos principais: absorção intestinal, reabsorção/excreção renal e troca do reservatório corporal de magnésio (FIORENTINI et al., 2021).

As funções do Magnésio

O magnésio é um micronutriente que desempenha importante papel em muitas funções fisiológicas, em particular, na regulação dos transportadores de íons, na defesa antioxidante, no metabolismo energético e outros aspectos metabólicos (SILVA et al., 2021).

É importante destacar a participação do magnésio como um nutriente que apresenta diversas funções, pois é um antioxidante envolvido em mais de 300 reações metabólicas e bioenergéticas no corpo, ajudando em processos como:

  • Manutenção da função nervosa e muscular
  • Ritmo cardíaco
  • Pressão sanguínea
  • Relaxamento e contração muscular
  • Transporte transmembranquial
  • Sistema imune
  • Concentrações de glicose no sangue
  • Homeostase insulínica e glicêmica
  • Síntese de adenosina trifosfato, proteínas e ácidos nucleicos

(SILVA et al., 2021; FATAL; LADEIA; LIMA, 2021). Em seu estudo, Melo et al. (2020) relatam que o magnésio atua, ainda, na integridade óssea, na estabilidade da membrana neuromuscular e cardiovascular, na manutenção do tônus vasomotor e como regulador fisiológico da função hormonal e imunológica.

Magnésio na prática de exercício físico

O magnésio é um cofator de diferentes reações enzimáticas envolvidas em processos anabólicos e catabólicos que afetam o desempenho muscular durante o exercício. Assim, é importante destacar a participação do mineral também como um nutriente capaz de interferir diretamente em aspectos metabólicos fundamentais para o exercício físico (CÓRDOVA et al., 2019; MELO et al., 2020).

O fluxo de magnésio ocorre durante e após o exercício físico. Durante a atividade física, o mineral é transferido do soro em direção aos adipócitos e à musculatura esquelética ativa, a passagem do magnésio extracelular para estes órgãos é modulada pelo nível de produção de energia aeróbia. Após o exercício aeróbio, ocorre a redistribuição do magnésio dos tecidos para a circulação (SILVA et al., 2021).

Na revisão de Silva et al. (2021), os autores elucidam que o exercício físico é capaz de estimular a redistribuição de magnésio no organismo durante e após o treino para restaurar as concentrações metabólicas necessárias para a produção de energia ou para a prevenção do estresse oxidativo, havendo variações de acordo com o nível de atividade praticada (no qual são intensidade, seleção e ordem dos exercícios, intervalo de recuperação, velocidade do movimento e frequência) e seu estado nutricional.

Hialugen® é o suplemento Biobalance formulado com ácido hialurônico de alto peso molecular, associado ao colágeno tipo II e magnésio que em sinergia, atuam de três formas: Auxiliam no metabolismo energético. Contribuem para a formação e o aumento da densidade mineral óssea. Ajudam no funcionamento muscular e neuromuscular.

Referência

CÓRDOVA, Alfredo et al. Impact of Magnesium Supplementation in Muscle Damage of Professional Cyclists Competing in a Stage Race. Nutrients, [s.L.], v. 11, n. 8, p. 1927, 16 ago. 2019. Disponível em: https://www.mdpi.com/2072-6643/11/8/1927. Acesso em: 28 abr. 2022.

FIORENTINI, Diana; CAPPADONE, Concettina; FARRUGGIA, Giovanna; PRATA, Cecilia. Magnesium: biochemistry, nutrition, detection, and social impact of diseases linked to its deficiency. Nutrients, [s.L.], v. 13, n. 4, p. 1136, 30 mar. 2021. Disponível em: https://www.mdpi.com/2072-6643/13/4/1136/. Acesso em: 28 abr. 2022.

MELO, S. R. S. et al. Suplementação com magnésio sobre a performance de atletas: uma revisão sistemática. Research, Society and Development. [s.L.], v. 9, n.1, p. e117911754, 1 jan. 2020. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/1754. Acesso em: 28 abr. 2022.

SILVA, J. C. et al. Os benefícios do magnésio em praticantes de exercício físico: estudo de revisão integrativa da literatura. Pesquisa, Sociedade e Desenvolvimento, [s. L.], v. 10, n. 11, p. e35101119253, 2021. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/19253. Acesso em: 28 abr. 2022.

FATAL, L. B. S.; LADEIA, A. M. T.; LIMA, M. L. Ingestão de magnésio e suas implicações metabólicas em pacientes com excesso de peso. International Journal of Development Research, v. 11, n. 07, p. 49060-49065, 2021. Disponível em: https://www.journalijdr.com/sites/default/files/issue-pdf/22523.pdf. Acesso em: 28 abr. 2022.

Editoria Biobalance

Gostou? Então compartilha!

Assine nossa newsletter

Rolar para cima